• Prev
Três Rios/RJ - A Igreja Assembleia de Deus - Ministério Resgatar, realizou, ...
Três Rios/RJ - A Igreja Assembleia de Deus Central - Ministério de ...
Vassouras/RJ - A Igreja Metodista em Andrade Costa, realizou, no dia 10 de Novembro ...
Paraíba do Sul/RJ - No dia 27 de Outubro de 2018, o Projeto Café ...
Rede Vipgospel - todas logos

Uma cristã copta que ficou desfigurada após o ataque terrorista na Igreja de São Pedro no Egito, em dezembro de 2016, revela que Jesus milagrosamente a manteve viva e continua aparecendo a ela em visões.

O testemunho de Samiha Tawfiq Awad vem sendo divulgado pela Missão Portas Abertas. Ela e o marido, Qalini, estavam na igreja quando os muçulmanos radicais detonaram uma grande bomba no templo, bem perto de onde ela estava sentada.

Os dois atentados suicidas naquele dia em igrejas na capital Cairo deixaram 24 cristãos mortos e 49 feridos. A maioria das vítimas eram mulheres.

Quando Qalini levou sua esposa ao hospital os médicos avisaram que ela poderia não sobreviver, pois estava muito ferida. Mesmo inconsciente ela lembra de ter visto Jesus em uma visão. Relata que seu coração ficou “cheio de um sentimento de perdão” pelos que a atacaram.

“Os médicos podiam ter desistido de Samiha, mas Deus tinha outro plano!”, comemora Qalini. Ele explica que os médicos chegaram a colocar o nome dela na primeira lista de vítimas mortas divulgadas.

Samiha lembra: “Os médicos achavam inútil me tratar, então apenas vinham olhar de vez em quando para ver se eu já estava morta. Mas fiquei viva”. De fato, ela sobreviveu, mas metade de seu rosto permanece destruída como consequência da explosão e a família não tem condições de fazer cirurgias plásticas.

“Eu lembro de ter visto Jesus vindo do teto quando eu estava deitada no chão, logo após a explosão”, contou ela à Portas Abertas. A cristã diz que Cristo voltou a aparecer para ela no hospital e ela continua tendo visões dele de tempos em tempos.

“Eu queria ter morrido por Jesus”, assegurou Samiha, “mas o fato de Ele milagrosamente ter me mantido viva significa que Ele ainda me quer viva”.

O casal diz que perdoa as pessoas que atacaram a igreja, lembrando as palavras de Jesus no Sermão da Montanha, onde Cristo pede o perdão aos inimigos. “Se eu conhecesse a família do terrorista, a única coisa que gostaria de lhes dizer é: Conhecem a Jesus? Oro para que eles encontrem o caminho certo”, enfatiza Samiha.

Esse sentimento de perdão foi expresso pela comunidade copta desde os primeiros dias após o ataque. O bispo Anba Angaelos veio à público dizer que os cristãos no Egito estavam prontos para perdoar.

Fonte: Gospel Prime

Visitas no Site

0011769583
HojeHoje659
OntemOntem874
Esta SemanaEsta Semana2500
Este MêsEste Mês5856
Todos os diasTodos os dias11769583

Siga-nos no Facebook

Usuários Online

Temos 174 visitantes e Nenhum membro online

Mais lidas

O primeiro-ministro ...
O Governo socialista ...
O testemunho de ...
Com seis ...
Mais de 60 chefes de ...
O Conselho de ...
Depois de uma vida ...
O grupo ...